Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Institucional > Notícias > Boletim Coronavirus > Crianças terão acesso a vídeos educativos durante quarentena
Início do conteúdo da página
Coronavirus

Crianças terão acesso a vídeos educativos durante quarentena

Iniciativa é da Secretaria Municipal de Educação

  • Criado: Sexta, 20 de Março de 2020, 18h30
  • Publicado: Sexta, 20 de Março de 2020, 18h30
  • Última atualização em Sexta, 20 de Março de 2020, 18h30

contadorA Secretaria Municipal de Educação ( SME) disponibilizará vídeos educativos com o propósito de entreter e, ao mesmo tempo, ensinar as crianças durante a quarentena. O material será publicado tanto no site institucional quanto nas redes sociais. O objetivo é ajudar aos pais e responsáveis durante o período de suspensão das aulas, tendo em vista a necessidade de frear a contaminação pelo Coronavírus.

Entre os conteúdos disponibilização estão sugestões de vídeos, jogos e aplicativos voltados para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Eaja. Neles, serão trabalhados temas diversos, incluindo língua estrangeira e operações matemáticas.

Desafios

O contexto de suspensão das aulas exige pensar em atividades que preencham o tempo ocioso dos alunos e, ao mesmo tempo, estreitar os laços familiares. Realizar leituras, ajudar na cozinha, organizar a casa e, claro, muitas brincadeiras e aprendizados são ações que possibilitam que as famílias passem por esse momento de tensão de forma mais leve e feliz.

A principal informação desse momento é ficar em casa, sem poder sair, afinal, não são férias. Mas, e agora? O que fazer durante esse período com as crianças? É muita energia acumulada e os responsáveis precisam ter criatividade e paciência, além de cuidado com o tempo dedicado a eletrônicos como, TV, computador, celular e videogame. É preciso se movimentar, se exercitar e gastar energia. Como?

A pedagoga e contadora de histórias da Gerência de Projetos da SME, Ivy Stela Castro, sugere como agir nesse momento. "Não estamos de férias e nem nos preparamos para esta situação. Então, o primeiro passo é desenvolver uma rotina, crianças precisam de rotina. Elas se sentem mais seguras e tranquilas. Escreva em um papel o que fazer a cada dia, uma agenda que inclua tempo de atividades escolares, leituras literárias, brincadeiras livres, jogos e mais”, pontua a professora. Neste contexto, que tal resgatar brincadeiras populares, como amarelinha, pular corda ou elástico, pique esconde, pega pega, dançar, cantar, adoleta, quebra cabeça, dominó ou massinha? Além de diversão, tais atividades estimulam os exercícios físicos .

Mas, não é preciso ficar apenas naquilo que já foi criado. Também é interessante inventar novas brincadeiras e, assim, promover momentos de diversão familiar e aliviar o estresse que a atual situação provoca. “A ideia não é ser indiferente ao que estamos vivendo, mas tentar superar com menos prejuízo possível. Para que no final disso tudo, sejamos mais fortes e unidos, como família, sociedade e seres humanos”, declarou a Ivy Stela Castro.

Sugestões

Além dos vídeos produzidos pela SME, outras opções interessantes podem ser propostas para que as crianças assistam, aprendam e se divertam. A Gerente de Projetos da SME, Malu Ramos, alimenta um canal de contação de histórias no Youtube. Vale lembrar que este é um dos projetos pedagógicos desenvolvidos pela Gerência, estimulando o gosto pela leitura. Outros profissionais desenvolvem o mesmo trabalho no Instagram. Abaixo, segue links com conteúdos desenvolvidos especialmente para as crianças que podem ser acessados de forma gratuita:


Adriene Bastos, da editoria de Educação e Esporte

 

Fim do conteúdo da página