Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Institucional > Notícias > Educação amplia número de vagas com entrega de salas modulares no Mutirão da Prefeitura
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Educação amplia número de vagas com entrega de salas modulares no Mutirão da Prefeitura

Comunidade recebeu mais 80 vagas na educação infantil durante o 26º mutirão e participaram de oficinas pedagógicas, projeto Reciclar é Legal e unidades educacionais receberam benefícios do Escola Viva

  • Criado: Segunda, 26 de Agosto de 2019, 12h28
  • Publicado: Segunda, 26 de Agosto de 2019, 12h28
  • Última atualização em Segunda, 26 de Agosto de 2019, 12h28
WhatsApp Image 2019 08 24 at 11.59.03A Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME) integra a programação de mais um Mutirão da Prefeitura, neste fim de semana, realizado no Residencial Itaipu. Na manhã de hoje, 24, foi entregue à população mais quatro salas modulares no Centro Municipal de Educação Infantil Consuelo Nasser ampliando o atendimento.
 
No estande da SME a comunidade contou com a ação do Projeto Horta Escolar: Circuito Reciclar é Legal, que possibilitou a troca de materiais recicláveis por mudas de hortaliças. Além disso, o espaço da SME também ofereceu oficinas pedagógicas e sala de leitura para as crianças.
 
O coordenador do projeto Horta Escolar, Nestor Valverde, destacou o foco do projeto no mutirão: “Nós incentivamos a população a tirar os resíduos sólidos da rua, de casa e trazer para trocar por uma muda de hortaliça, tem dado muito certo, hoje foram trocadas mais 2000 mudas. Esse material vai para a reciclagem, é um momento de conscientização da população. É uma ação muito bonita'.
 
A dona de casa Marilza de Fátima Alves, moradora do Condomínio das Esmeraldas foi a primeira a chegar para trocar as mudas. Ela passou a semana juntando garrafas pet e latas de alumínio para trocar no mutirão e começar uma nova horta. ' é uma ótima ideia, consegui 93 mudas e vou fazer uma fazer uma horta linda”, declarou.
 
Obrigatoriedade do CPF para matrícula
 
A partir do período de matrículas para 2020, a Prefeitura de Goiânia, por meio da SME, passará a exigir o número de Cadastro de Pessoa Física (CPF) da criança que pretende fazer parte do ensino público municipal da Capital. Os pais estão sendo orientados quanto a nova exigência e podem aproveitar a oportunidade e realizar o cadastro das crianças no CPF gratuitamente.
 
Com a parceria do Governo de Goiás, durante o Mutirão a população tem disponível diversos serviços oferecidos aos presentes pelo Vapt Vupt, dentre eles, a emissão de carteira de identidade e CPF. Outros órgãos também realizam esse serviço como, as agências dos Correios, Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil (mediante pagamento de R$ 7,50).
 
Escola Viva
 
Fora os serviços oferecidos nos estandes, a SME também executa o Programa Escola Viva e nove instituições de ensino da região foram beneficiadas. São cinco Centros Municipais de Educação Infantil (Cmei) – Consuelo Nasser, Prof. Nair Lacerda Jubé, Residencial Itaipu, Residencial Real Conquista, CEI Evangélica Eli Shadai e as Escolas Municipais Eng. Robinho Martins de Azevedo, Lúcia de Souza Fiúza, Residencial Itaipu e Renascer.
 
O Programa Escola Viva é uma iniciativa da SME que visa a manutenção predial constante das instituições de ensino. A verba é liberada diretamente às gestões escolares para promover reformas e reparos gerais na estrutura física, como pintura e limpeza geral, troca de telhado, reparos nas redes elétricas e hidráulicas, parquinhos e fachadas. O Programa Escola Viva foi uma das primeiras ações implementadas pela nova gestão municipal na área da Educação.
 
A programação no estande da SME com oficinas pedagógicas e distribuição de mudas do Projeto Horta Escolar, segue neste domingo, 25, até 12h.
 
Adriene Bastos, da editoria de Educação e Esporte
Fotos: Aline Cavalcanti
registrado em:
Fim do conteúdo da página