Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Institucional > Notícias > Prefeitura concede progressão horizontal a mais de 5 mil profissionais da Educação
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Prefeitura concede progressão horizontal a mais de 5 mil profissionais da Educação

Prefeitura concede progressão horizontal a mais de 5 mil professores da rede municipal de ensino

  • Criado: Quinta, 04 de Julho de 2019, 18h29
  • Publicado: Quinta, 04 de Julho de 2019, 18h29
  • Última atualização em Quinta, 04 de Julho de 2019, 18h34

progress 2O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, assinou na última quarta-feira, 3, o decreto que concede a progressão horizontal para mais de cinco mil servidores do magistério público do município. Os profissionais que têm direito a mudança de letra são PE I e PE II, lotados na Secretaria Municipal de Educação e Esporte (SME), que fizeram requerimento junto à Pasta dentro do prazo limite. A autorização foi divulgada no Diário Oficial do Município (DOM) do dia, 3 de julho.

 

Serão beneficiados pela medida anunciada 5.802 professores da Rede Municipal de ensino. A progressão funcional é a movimentação do servidor na carreira prevista para o cargo que ocupa. No caso da progressão horizontal, o benefício é concedido por aperfeiçoamento a cada dois anos, para professores, de uma referência para a subsequente, dentro de um mesmo nível, em virtude de requisitos previstos no plano de carreira do servidor do magistério. Quem estiver com letra incompatível com o decreto será separado pra retificação e nova publicação no DOM.

 

O lançamento na folha de pagamento deve acontecer a partir do mês de julho e, caso não entre todos os profissionais, os demais serão acrescentados no mês de agosto. A concessão das progressões reflete a realização dos compromissos firmados pela atual gestão municipal e vai ao encontro do fortalecimento das ações em prol da educação como um todo. Desde a valorização dos servidores da educação, como melhoria das instituições, reformas e ampliação do número de vagas. Com isso, a Prefeitura coloca em dia os benefícios que estavam suspensos desde 2014.

 

Adriene Bastos, da Editoria de Educação e Esporte

registrado em:
Fim do conteúdo da página